23.11.05

 

Do totalitarismo dos humanos que gostam de animais (RPS)

Não gosto de cães. Não é por isso que fiz o post de há dois dias - Da irresponsabilidade dos humanos donos de cães - e que está ali abaixo. Se gostasse, defenderia o mesmo porque não tem a ver com gostos. Tem a ver com questões cívicas e jurídicas.
Mas a verdade é que não gosto de cães. Nem de gatos, nem de pássaros, nem de hamsters, nem de coelhos, nem de qualquer outro animal doméstico. Desde que me conheço que é assim e este facto tem-se custado as maiores incompreensões. Já ouvi de tudo. O mais comum é dizerem-me, em tom relativamente amigável: quem não gosta de animais não pode ser pessoa. Quando isto acontece, pergunto logo se o Hitler era boa pessoa (aplica-se a todos os outros facínoras da História que adoravam bicharada).

Algumas pessoas, contudo, são mais radicais. Ficam verdadeiramente indignadas por eu afirmar que não gosto de animais. Por não gostar de animais, já me chamaram indivíduo mal formado. Indaguei o fundamento de tão grave acusação. Resposta: porque queres mal aos bichinhos. Bolas!!! Eu só disse que não gostava, não disse que lhes queria mal, que os maltratava ou, sequer, que gostaria de o fazer!!!
Quem gosta de animais é assim. Pelos menos, a maioria é assim - totalitária. A maioria das pessoas que gostam de animais não admite que terceiros possam não gostar. São logo gente execrável.
Alguns há que são um bocadinho menos radicais. Em vez de se insurgirem, tentam, com alguma diplomacia, levar quem não gosta da bicharada para o seu lado. Diplomaticamente, dizem coisas como vê lá como é tão giro.... é tão fôfo, passa aqui a mão, faz-lhe festinhas... olha, olha, ele só quer brincadeira... vá lá, pega no bichinho que ele não faz mal... Fónix! Que insistência! Eu não entendo como se pode gostar de gatos e cães, mas respeito essa opção e não insisto com ninguém para deixar de gostar! Porque não fazem o mesmo comigo?...

Se eu tivesse um animal doméstico, só poderia ser um peixe. Não faz barulho, não larga excrementos, não perturba terceiros, não se baba, não cheira mal, não larga pêlo, não pede atenção, não se atira a gente, não nos lambe, não tem que ir regularmente ao veterinário, não tem que passear todos os dias. E não é pedir muito ao amigo, ao vizinho, à sogra, à cunhada ou ao irmão que fique com o peixe lá em casa durante uns dias.

Comments:
Nunca tiveste nenhum peixe, pois não? Os peixes também dão o seu trabalho têm que ser alimentados e a água tem que ser mudada (os peixes tb defecam). Por favor não adoptes nenhum!
Respeito que não gostes de animais, da mesma maneira que eu não morro de amores pela chavalada, transcrevo esta parte que acho que é comum, "Diplomaticamente, dizem coisas como vê lá como é tão giro.... é tão fôfo, passa aqui a mão, faz-lhe festinhas... olha, olha, ele só quer brincadeira... vá lá, pega no (bichinho) que ele não faz mal". Quando me dizem que o "melhor do mundo são as crianças", acredito se estas tiverem mais de 25 (salvo raras excepções). Pois o meu sonho é adoptar uma com esta idade, já com o curso tirado e que trabalhe para me sustentar:)
 
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
 
Eu respeito o facto do Sr. RPS não gostar de animais. Eles também não devem gostar lá muito de si - essas coisas costumam ser recíprocas.

Olhe, nós é mais gatos. Menos a nossa Frifri, tadinha, que é alérgica. Eu também sou um bocadinho, mas tenho gatos na mesma.

Em conjunto as gajas são donas do Pinté, do Nestum, da Maria, do Polar, do Tobias, da Mana, da Luna e da Pussy.
Ou melhor, o Pinté, o Nestum, a Maria, o Polar, o Tobias, a Luna, a Mana e a Pussy é que são nossos donos...

Percebe agora, caro RPS, porque é que, apesar de gajas, não publicamos fotografias dos nossos tarecos lá no blog? É que aquilo iria parecer um gatil...
 
jpf,
Eu pessoalmente gosto de animais, especialmente gatos. mas se alguem nao gostar, desde que nao faca mal aos bichos, é uma opcao das pessoas. tambem ha bichos que nao suporto, o Pato Donald, por exemplo! arghhhh, ou o Pluto ou a ratazana Mickey. Mas nao vou por ai a descabecar e a esventrar os caramonos. Pronto, sao gostos. ah!E tambem nao gosto do Bush (que é pouco mais do que um animal) nem do cao dele!

Abracicos
 
Pessoalmente, conformo-me, com ácaros...
 
Tu só deves estar habituado a ver peixe congelado.

Assinado: A
 
Eu gosto tanto de animais que não me importava de ter um RPS cá em casa, mas não lhe dava banho, só comida.
Caro RPS, eu compreendo que não gostes de animais, mas não te esqueças que és um e dos piores. Não há nada mais feroz que o Homem. Os outros, os cães, os gatos, os passáros e até os peixes só querem sobreviver e quando gostam demonstram-no sempre sem esperar nada em troca. É essa a magia da relação entre os bichos.
 
A relação (sexual) do homem com animais chama-se "bestialidade" estudada como "desvio sexual"

Em Portugal passa-se de besta a bestial com muita facilidade.

E, vice-versa
 
peixes............barckkkkkkkkkkk
em relação a gatos / caes...são muito parecidos connosco...fazem essa porcaria toda, como nós, mas só tem algo de melhor q nós, não mentem, não traem, não são futeis, não são "politicos"...enfim não são tanta coisa má, que nos "gentinha" somos
por isso gosto de gatos/ cães... prefiro-os a muita gente
jocas maradas e nada fundamentalistas
 
MATA O PORCO!

William Golding - "O Deus das moscas".
 
Érrepêésse, eu achei esta posta bem escrita. No entanto, acho que FÓNIX é uma palavra que até se pode usar - vá lá - num comment, nunca numa posta.
E, pôrra, os peixes também cagam!!!
Ou não?
 
peixe é bom :P se chatear....acaba frito :P
 
As pessoas tem uma certa hipocrisia no que diz respeito de "gostar" de um animal. A maioria dessas pessoas simplesmente os suportam.

Quando eu morava na casa dos meus pais, o cachorro tinha um quintal gigantesco e uma casa quentinha só pra ele. Hoje em dia eu moro em apartamento. Um flat pequeno, mas que atende muitíssimo bem as minhas necessidades. As minhas.

Resolvi adotar um gato, e no primeiro dia foi só diversão. Enquanto eu estava em casa o animal brincava e saltava e atrapalhava meu trabalho. Enquanto eu saía, era hora do animal dormir. A minha hora de dormir, porém, aparentemente não correspondia a do gato.

Chame de preguiça ou de de bom senso atrasado, mas eu definitivamente cheguei a conclusão que apartamento não é lugar pra animal.

E daí?

Daí que todo mundo gosta de brincar com o filhote, mas é só aparecer o primeiro problema que a gente quebra as pernas.

E olha que eu nem mencionei a caixa de areia.
 
Eu gosto de animais, muito, porém respeito o fato de você não gostar. Uma coisa somente tem que ser levada em conta , não gosto de animais, porém não os maltrato.
Eu não gosto de crianças dos outros, principalmente quando estou no restaurante, e os pai deixam elas correrem de um lado para o outro, como se todo mundo fosse obrigado a aguentar crianças mal educadas. Porém, respeito, e gostaria de ser respeitada, assim, como você gostaria. Criança começou a chorar em lugar público, o responsável tem que sair do local na hora com a criança. Não pode nem pensar, tem que sair.
 
Se o Sr.(idoso) não gosta, problema teu! Você prefere um animals (maravilhoso) ou uma criança (aversiva)?
 
Não gosto de animais, e é muito bom ter um espaço para manifestar isto!!!
 
Enviar um comentário

<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?